domingo, novembro 18, 2007

Faz de conta


era claro espelho d’água
perfeição que a pedra destruiu

uma onda...mais uma onda
outras ondas e já não tem fim

agora é centro do movimento
a qualquer momento pode transbordar

quando a pedra caiu na água
quando o espelho foi ao chão
quem estava ao teu lado
quem estava com a razão

a pedra afundou
a onda inundou
faz de conta que eu fui mais legal

malas prontas
de hoje em diante mais distante
talvez menos mal

desencanto na garganta
faz de conta que eu fui mais legal

quando a pedra caiu na água
quando o espelho foi ao chão
quem estava ao teu lado
quem estava com a razão

a pedra afundou
a onda inundou

faz de conta que eu fui mais legal

(Gessinger/Melissa Mattos)