sábado, maio 19, 2012

Mar

a Neire Costa

Quando o mar vem,
traz com ele
a ressaca.

Traz também:
o sal que arde
a boca, o corte,
a correnteza
sangrenta
de morte,
de paus,
de pedra
e de sorte.


Lee Flôres Pires

Um comentário:

Pinky disse...

Tá tomando banho na praia da avenida? hehehehehehe
Boa poesia!!!
Abração